Empreender: Como e Onde

EMPREENDER: COMO E ONDE

001

Empreender: como e onde

Empreender é inovar, ousar, correr atrás, realizar. Empreendedor é aquele que abre uma empresa, monta um negócio, cria um produto novo. Esta é a imagem mais concretizada nas mentes das pessoas. Porém, o conceito e perfil são mais abrangentes.

Hoje já se fala em tipos de empreendedorismo. Além do mais “famoso” empresarial, há o corporativo, o público e o social. Isso tem a ver com o contexto em que se insere, o campo em que atua.

Mas, segundo o empresário e professor de empreendedorismo Rosivaldo Nascimento, há certas características que são comuns a todos eles. Não importa o tipo ou área. Iniciativa, persuasão, autoconfiança, planejamento, disposição e comprometimento, por exemplo, são algumas das características inerentes ao perfil do empreendedor.

Para Rosivaldo, independentemente, do adjetivo que carregue, o mais importante é que o empreendedor esteja comprometido com o desenvolvimento e com valores éticos e disposto a trabalhar por ele próprio e pelos outros.

Cinform- Quando se fala em empreendedorismo, pensa-se  logo em uma pessoa que abriu uma empresa. Mas, empreender vai além disso, não é?

Rosivaldo do Nascimento – Esse entendimento inicial faz sentido. O termo empreendedor foi originado da palavra francesa “entrepreneur”, que resulta da junção “entre” = estar sob e “prende” = conduzir. Portanto, originalmente, o termo “entrepreneur” no francês significa empreendedor , empresário. Daí essa tendência de associar o empreendedor àquele que abre sua própria empresa. Porém, podemos afirmar que o empreendedor é a pessoa que consegue transformar o seu sonho ou projeto em realidade.

Cinform – Quais são os tipos de empreendedorismo? Fala-se em empresarial, corporativo, público e social. O que significa cada um desses?

RN – Existem diversas formas de classificar os tipos de empreendedorismo, como também os tipos de empreendedor. Cada autor classifica da sua maneira. Recentemente, li um artigo de professores da UFPE, que classifica o empreendedor humanizado, atomístico marginal e de sucesso, utilizando como parâmetro o filme “Beleza Americana”. Já para José Dornelas, a maior referência no estudo do empreendedorismo no Brasil, a classificação é a seguinte, incluindo essas já citadas: informal (aquele que empreende para sobreviver, normalmente sem planejamento), individual (formalizou-se e é Micro Empreendedor Individual), franqueado (constitui o empreendimento através do sistema de franquias, seja franqueado ou franqueador), social (busca obter receita através de empreendimentos que atenda às necessidades da comunidade), corporativo ou intraempreendedor (atua como colaborador dentro de uma organização; possui comportamentos empreendedores, mas não detém o capital da organização), público (o mesmo que corporativo, só que atuando em órgãos públicos), de negócio próprio (que abre um negócio próprio; este é o mais comum).

“Fica praticamente impossível não associar o processo inovador com o ato de empreender”

Cinform – Qual deles é o mais praticado em Sergipe e no Brasil?

RN – Existem dois tipos de empreendedores reconhecidos pela maioria dos órgãos que estudam o fenômeno empreendedor no mundo que são: empreendedor por necessidade. Porém, com o desenvolvimento econômico, a quantidade de empreendedores por oportunidade vem crescendo de forma significativa. Não possuo dados que comprovem a mesma ocorrência em Sergipe. Mas, dentro do cenário econômico sergipano, é possível afirmar que a mesma tendência existe no Estado.

Cinform – Existe um melhor do que outro ou mais fácil de praticar?

RN – Não vejo distinção de qualidade entre um tipo e outro, nem na forma de praticar, pois, independentemente, do tipo de empreendedorismo que se pratique, o que vai contar é a capacidade de realizar projetos, de fazer as coisas acontecerem de forma ousada, persistente, comprometida e planejada.

Cinform – Quais características devem ser comuns a todos?

RN – As características empreendedoras independem do tipo, todo empreendedor as possui, algumas da forma mais intensa, outras nem tanto, mas têm todas. A exemplo de busca de oportunidades, iniciativa, capacidade de persuasão, planejamento e monitoramento de forma sistemática, persistência, comprometimento, busca de informações, exigência de qualidade, disposição de correr riscos calculados, definição de metas, autoconfiança, desejo de independência.

Cinform – Inovar tem tudo a ver com empreender. Porém, é possível falar em empreendedorismo sem que haja inovação?

RN – Já no início do século XX, o economista austríaco Joseph Schumeter conceituava empreendedorismo utilizando o que ele chamava de “Destruição Criativa”. Ele entendia que o empreendedor precisava desconstruir modelos e conceitos vigentes para dar lugar ao novo. Considerando que empreender é transformar um sonho em realidade, é fazer existir o que antes não existia; seja uma nova empresa, um novo modelo de negócio; um novo processo; fica praticamente impossível não associar o processo inovador com o ato de empreender.

Cinform – Uma pessoa pode ser empreendedora mesmo que repita algo que já existe?

RN – É difícil repetir algo que já existe. Mesmo que o empreendedor decida abrir uma farmácia numa rua do bairro em que mora, essa farmácia é algo novo, que nunca existiu anteriormente; pode vender o mesmo produto , ter o mesmo objetivo, mas o estilo de gestão vai ser diferente, a missão vai ser própria. Enfim, um novo empreendimento com uma nova identidade. Podemos comprar como o dia, a cada 24 horas um novo dia nasce, mas cada dia tem suas características e acontecimentos próprios.

Cinform – Na sua opinião, que tipo de empreendedorismo o Brasil mais necessita?

RN – Tenho a opinião que o Brasil necessita de empreendedores, independentemente do adjetivo que o acompanhe, que esteja comprometido com o desenvolvimento da sua região, comprometido com os valores éticos, e consciente de que empreender é, antes de tudo, trabalhar para proporcionar a si mesmo e aos demais bem estar.

Entrevista publicada no jornal CINFORM de 28.04 a 04.05.2014, Ano XXXI, Edição 1620
Foto: Mário Sousa
Localização
DADOS DE CONTATO
  • Unidade Aracaju
    Endereço: Rua Padre Nestor Sampaio, 140 Bairro Luzia, Aracaju-SE CEP 49045-015
    Telefone: +55(79)3225-7171
    WhatsApp: +55(79)99976-9251
    E-mail: portal@escritoriovirtual.com


    Unidade Barra dos Coqueiros
    Endereço: Rua da Lambança, 360 Atalaia Nova, Barra dos Coqueiros-SE CEP 49140-000
    Telefone: +55(79) 3260-1450
    WhatsApp: +55(79)98119-0467
    E-mail: portal.barra@escritoriovirtual.com
  • Telefone: (79) 3225-7171
    (79) 99976-9251

    Filial Portal Beach
    (79) 3260-1450
    (79) 98119-0467
ReachLocal © 2018 Escritório Virtual - Todos os direitos reservados.